.

.

Desunião pode ter sido o fracasso da mobilização

imagem aérea da mobilização
Aconteceu na tarde dessa terça-feira (07/03), na Praça da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, a mobilização dos militares estaduais contra o parcelamento dos salários e a falta de reposição salarial. 

A mobilização estava sendo divulgada nas redes sociais como "A PRIMEIRA GRANDE MANIFESTAÇÃO DO ANO", porém foi um fracasso. Aproximadamente 100 pessoas participaram da mobilização, a maioria (98%) reformados.

Mas, o que aconteceu com a tropa, que na última mobilização do ano colocou aproximadamente 15mil militares na rua? e diga-se de passagem: 80% de policiais da ativa.

A desunião da classe pode ter sido a principal causa do fracasso!

No início do ano tivemos um embate entre algumas entidades representativas de classe e aquele que seria o "líder" da mobilização. O motivo seria o não reconhecimento pelo Deputado da "representatividade" das "pequenas", alegando falta de "legitimidade". Apenas algumas entidades de classe, as chamadas "maiores", foram convidadas a participarem do que seria o planejamento das manifestações.

O resultado: UM FRACASSO TOTAL!   

O blog Polícia PELA ORDEM acompanhou toda a manifestação e presenciou mais uma vez discursos de ataque ao governo, ao comando da PM e ao Deputado da situação do Governo. Infelizmente pouco se falou sobre a proposta que deveria ser apresentada para a solução do problema (pagamento integral no 5º dia útil e a reposição salarial pela perda inflacionária). 

Porém, cabe destacar a fala do Vereador Sargento Melo, de Juiz de Fora, que ao fazer uso da palavra alertou sobre a sua divergência quando a exclusão das demais entidades de classe, e enfatizou a necessidade de participação e união de TODOS, inclusive das associações do interior do Estado, que foram colocadas em segundo plano pelos líderes do movimento reivindicatório.

Uma lição ficou clara: SEM A PARTICIPAÇÃO E UNIÃO DE TODOS jamais teremos uma mobilização de sucesso e atendimento de nossos pleitos!

Nenhuma entidade de classe pode ser menosprezada, mesmo que represente 50, 100, 200 ou 300 militares. Até por que se forem excluir as entidades consideradas "pequenas" estarão excluindo também todos os militares que não são filiados a nenhuma associação.  

É hora de deixar os interesses políticos de lado e realmente LUTAR PELA CLASSE! 

A CLASSE É COMPOSTA PELA UNIÃO DE TODOS OS POLICIAIS E BOMBEIROS MILITARES DO ESTADO DE MINAS GERAIS E TODOS OS REPRESENTANTES LEGITIMADOS POR ELES! NINGUÉM PODE SER MENOSPREZADO OU IGNORADO!

Veja outras fotos da mobilização:






O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon