.

.

Ministro da Justiça apresenta o Plano Nacional de Segurança Pública

O Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, apresentou hoje (06/01), o Plano Nacional de Segurança Pública, que deverá ser apresentado aos Governadores dos Estados antes de ser finalizado.

Proposta do governo está baseada em três eixos. Entre eles, a melhora das condições dos presídios brasileiros, redução de homicídios e maior rigor contra crimes transnacionais.

O objetivo do Plano Nacional é ainda trabalhar de forma integrada com todos as esferas do poder público, não apenas entre Executivo, Legislativo e Judiciário. O governo federal terá uma maior integração com os estados e municípios para melhorar o nível de segurança no País.

Entre as medias estão:

1- Trabalho conjunto das Agências de Inteligência dos Órgãos de Segurança Pública, com a criação da Diretoria de Inteligência da SENASP;
2- Patrulha Maria da Penha em cada Capital com doação de viaturas pelo Governo Federal aos Estados;
3- Emprego da Força Nacional no patrulhamento das fronteiras do País, para evitar a entrada de armas e drogas e o tráfico de pessoas;
4- Combate organizado ao tráfico de drogas interestadual e transnacional;
5- Liberação dos presos temporários, que respondam a processo criminal de crime que não envolva violência ou grave ameaça; 

Após os recentes episódios de massacres ocorridos nos presídios, Alexandre de Moraes anunciou, ainda, que cada Estado receberá R$ 32 milhões para a construção de novos presídios e R$ 13 milhões para equipá-los com Raios X e Scanners, para evitar a entrada de drogas e armas. Ainda, segundo o Ministro, serão construídos outros 5 presídios federais.

“Tudo será feito em conjunto para que a União possa auxiliar na obtenção desses objetivos”, disse o ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes.




O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon