Comandante Geral da PMMG determina que tropa deve continuar trabalhando normalmente

Após a Mobilização ocorrida hoje na Praça da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em que os organizadores do movimento decidiram pelo aquartelamento da tropa, o Comandante Geral da Polícia Militar de Minas Gerais, determinou que todos os policiais militares continuem executando o trabalho normalmente. 

Segundo o Comando da Instituição, nessa tarde, irá realizar uma nova reunião com o Governador do Estado, Fernando Pimentel, como forma de ratificar o compromisso do Governador de não aderir as determinações da PLC 257/2016.

Segundo informações repassadas pelo Deputado Estadual Cabo Júlio, na data de hoje, mesmo que a PLP 257 seja aprovada pela Câmara dos Deputados, para que ela tenha validade no Estado é necessário que o Governador encaminhe para a Assembleia Legislativa uma lei específica para que o chamado "pacote da maldade" seja efetivado.

Se houver o compromisso do Governador de que Minas Gerais não irá aderir ao Pacote, os militares estaduais não seriam afetados. 

Vamos aguardar o pronunciamento do Comandante Geral que está nesse momento reunido com o Governador!

 


O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon