Acordo entre União e Estados deve salvar o 13º dos servidores públicos

Com o acordo celebrado entre a União e os Estados, com o repasse de mais R$ 5,3 bilhões, o 13º salário do funcionalismo deverá ser pago integralmente ainda em dezembro, haja vista o Governo Federal ter se comprometido a adiantar os valores para ajudar com o pagamento.

O acordo foi celebrado ontem (22/11) em Brasília e trata-se de um pacto pelo reequilíbrio das contas dos Estados. O dinheiro é proveniente dos recursos arrecadados com a "repatriação" (imposto cobrado pelo dinheiro enviado ao exterior por brasileiros).

"Meirelles admitiu que os R$ 5 bilhões a mais não são suficientes para resolver os problemas financeiros dos estados, agravados pela crise econômica que reduziu a produção e o consumo no país e, consequentemente, a arrecadação com impostos. (parágrafo extraído do site G1)

Entretanto, disse o ministro, o repasse desses recursos extras "facilita a transição para o novo regime de austeridade fiscal”. Segundo ele, os recursos vão permitir que muitos estados resolvam problemas de curto prazo." (parágrafo extraído do site G1)
 


O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon