Onda de terror no Ceará

Enquanto os olhares do mundo se voltam para o Estado do Rio de Janeiro, palco principal das Olimpíadas, o Estado do Ceará vem sofrendo com um onda de ataques a prédios públicos na capital Fortaleza. Até mesmo delegacias estão sendo alvo dos criminosos. 

Desde o começo do ano ocorreram sete ataques a delegacias na grande Fortaleza.

Em um dos vídeos publicados nas redes sociais é possível verificar o momento em que uma dupla para em frente a uma delegacia e efetua vários disparos de arma de fogo em direção a uma delegacia e, logo após, fogem do local em uma motocicleta.

O Governador Camilo Santana anunciou o reforço no policiamento com maior poder de fogo das forças de segurança, com armamentos pesados, além de outras ações como a contratação de mil agentes prisionais e a criação da Delegacia de Combate ao Crime Organizado. 

Segundo informações das forças de segurança do Estado do Ceará, até agora foram presas 14 pessoas, sendo outras 30 já identificadas e poderão ser presas a qualquer momento. Todos são suspeitos identificados pela participação na onda de ataques.

A Associação dos Cabos e Soldados Militares do Estado do Ceará informou que só este ano 50 policiais foram alvos de criminosos, sendo 1 morto e 7 feridos na última semana.


O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon