Policiais Militares do BOPE também entraram em GREVE

Policiais Militares do BOPE (Batalhão de Operações Especiais) do Rio de Janeiro também anunciaram que participarão do movimento grevista, anunciado desde a noite de ontem (9).

Policiais Civis e Bombeiros Militares anunciaram que vão manter 30% do efetivo trabalhando para atender apenas os casos de emergência.

Bombeiros Militares anunciaram que não irão manter salva vidas nas praias cariocas até o fim do movimento grevista.