Assaltantes tentam roubar mansão na Pampulha e são presos em flagrante

O alvo dos assaltantes foi uma casa na Avenida Sícília. Quando invadiram o imóvel, a dona da casa gritou e vizinhos chamaram a polícia. Os criminosos fugiram para outra casa e mantiveram a família refém


A Dupla só entregou com a chegada de um advogado (Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
A Dupla só entregou com a chegada de um advogado
Duas famílias passaram por momentos de terror durante uma tentativa frustrada de assalto a uma residência no Bairro Bandeirantes, na Região da Pampulha, no fim da noite de quinta-feira. O alvo dos assaltantes foi uma mansão na Avenida Sicília. De acordo com o cabo Gladstone Alexandre Soares, da 2ª Companhia Tático Móvel do 34º Batalhão, três homens armados invadiram a casa e e anunciaram o assalto. Assustada, a dona do imóvel gritou e vizinhos ouviram a movimentação, acionando a polícia. “Recebemos a denúncia e fomos rapidamente para o local. Quando chegamos, os criminosos ainda estavam na casa. Chamamos no interfone e eles fugiram” conta o militar.

Segundo o PM, a dona da casa veio correndo atender o portão e relatou que os assaltantes tinham fugido pulando o muro dos fundos. A polícia fez um cerco no entorno da casa. Um policial chamou na casa vizinha, onde os assaltantes teriam entrado, e foram recebidos por um casal, de 56 e 59 anos. A princípio, as vítimas negaram que houvesse algum problema e pediram para o militar deixar o local. Mas, ao chegar no portão, eles confessaram que os criminosos estavam dentro da residência e mantinham a filha, de 29 anos, a neta, de 17 e outra adolescente de 15 reféns. 

Com os criminosos, foram apreendidos duas armas (Paulo Filgueiras/EM/DA Press)
Com os criminosos, foram apreendidos duas armas
Uma equipe do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foi acionada e iniciaram as negociações para que os suspeitos libertassem as vítimas e se entregassem. Segundo Soares, depois de cerca de uma hora de negociação, os assaltantes se entregaram. Eles exigiram a presença de um advogado. “De dentro da casa, eles ligaram para um advogado e só se renderam depois que o profissional chegou no local”. Dois rapazes, Chailon Ferreira Praxedes, de 21 anos, e Fábio de Sousa Braga, de 24, foram presos e ninguém ficou ferido.

Um terceiro comparsa roubou um Logan na Rua Palermo e conseguiu fugir. Conforme o policial, o veículo foi encontrado no Bairro Braúna, na mesma região. O suspeito teria batido o carro e o abandonado. Até o início desta manhã, o homem ainda não tinha sido localizado.


1 COMENTE AQUI !:

Agradecemos as equipes que fizeram o imediato atendimento e ao GATE que procedeu de forma extremamente profissional que garantiu a segurança da família. Obrigado!!!

Balas

O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon