Destaques do Jornal Estado de Minas


Redes sociais alertam para mais ataques de skinheads em BH
Carecas prometem agredir quem estiver nesta sexta-feira à noite na principal praça da Região Centro-Sul de BH. PM diz que reforçou policiamento na área (Túlio Santos/EM/D.A Press - 17/7/11)
Carecas prometem agredir quem estiver nesta sexta-feira à noite na principal praça da Região Centro-Sul de BH. PM diz que reforçou policiamento na área
 A violência na Praça da Liberdade, onde desde sábado ocorreram dois ataques envolvendo integrantes de tribos que frequentam o local, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, espalhou o medo entre a população jovem da capital. Nessa quinta-feira, usuários das redes sociais alertavam seus contatos para evitar a praça hoje à noite, pois grupos de skinheads iriam agredir punks, emos, homossexuais e outros jovens que costumam se reunir para ouvir música e se confraternizar. Os textos divulgados no Facebook, Twitter e Orkut dão conta de que quem estiver no local na hora do ataque não será poupado.


Jovem é morta a tiros pelo ex-namorado no Bairro Ribeiro de Abreu
Uma jovem de 21 anos foi morta a tiros pelo ex-namorado no Bairro Ribeiro de Abreu, na Região Norte de Belo Horizonte, na madrugada desta sexta-feira. 

De acordo com militares do 16º Batalhão, a vítima estava na Rua Olavo Ferreira quando, segundo informações da mãe, a mulher teria iniciado uma discussão com o ex-namorado. 

Em seguida, as testemunhas ouviram os disparos e, quando chegaram no local, a jovem já estava morta. Alice Brandão de Souza foi atingida por dois tiros que atravessaram o braço e feriram rosto e cabeça. A motivação do crime seria passional e o suspeito ainda não foi localizado.

Padrasto é suspeito de estuprar enteada de 8 anos em Venda NovaA mãe da criança flagrou a cena de abuso dentro de casa e chamou a polícia

Um homem suspeito de estuprar a enteada de 8 anos foi preso, na noite desta quinta-feira, no Bairro Serra Verde, na Região de Venda Nova. De acordo com militares do 49º Batalhão, a mãe da menina flagrou a cena de abuso dentro de casa.

A mulher contou aos policiais que chegou em casa mais cedo e estranhou encontrar as luzes apagadas. Ao abrir a porta, a mãe deparou com a filha sem roupa em cima de uma cama na sala da residência e o padrasto também sem roupa correu para o banheiro. 

Segundo a mulher, o homem tentou cortar os pulsos e falava que iria se matar. A polícia foi acionada e conseguiu prender o suspeito ainda dentro do imóvel. Marcos Vinícius de Assis Bragança, de 25 anos, foi socorrido para Hospital Pronto Socorro Risoleta Neves, onde recebeu atendimento sob escolta da PM.


Nelson Hungria começa a usar scanner corporal para barrar armas e drogasEste fim de semana a unidade estreia o aparelho de varredura corporal. O equipamento permite enxergar dentro do corpo dos visitantes e pretende evitar a entrada de materiais proibidos na cadeia


 (Divulgação Seds)
O Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), começa a usar, a partir deste fim de semana, um aparelho chamado Body Scan. O equipamento faz uma varredura corporal, durante o procedimento de revistas dos funcionários e visitantes da unidade prisional. 

De acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), o scanner será usado diariamente e tem capacidade de detectar até mesmo os materiais que tiverem sido ingeridos. A intenção é barrar a entrada de drogas, armas, metais e outros objetos proibidos. O Body Scan é uma cabine que permite enxergar dentro do corpo dos visitantes. Em uma sala anexa, o operador da máquina visualiza a imagem gerada pelo equipamento como uma radiografia dos ossos, órgãos, objetos e contorno do corpo.

Ao entrar na Nelson Hungria, a pessoa passa pelos trâmites normais de identificação biométrica e revista de alimentos, que é realizada pelos agentes. Em seguida passa pela cabine do scanner, onde permanece por cerca de 40 segundos. Se algum material irregular for detectado, o visitante é detido e encaminhado à Polícia Militar.


O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon