Delegados e peritos da PF se mobilizam por reajuste e melhores condições de trabalho

Estado de Minas
Delegados e peritos da Polícia Federal (PF) estão mobilizados por reajuste salarial, plano de cargos e melhoria das condições de trabalho. Nesta segunda-feira, integrantes da Associação dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) serão recebidos pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. E, na terça-feira (30), eles terão reunião com representantes da Secretaria de Recursos Humanos do Ministério do Planejamento para discutir a pauta de reivindicações.

Segundo a ADPF, logo depois da reunião no ministério, a categoria vai discutir os resultados em assembleia, o que pode desencadear uma paralisação, caso não recebam "alguma contraproposta viável" às suas reivindicações.

Na última quinta-feira, o diretor-geral da PF, Leandro Daiello Coimbra, recebeu o presidente em exercício da ADPF, Bolivar Steinmetz, o secretário-geral da entidade, Ivo Valério, e o diretor de Prerrogativas, Claudio Tusco, quando discutiram o pleito da categoria.

Também estão envolvidas na mobilização a Associação dos Peritos Criminais Federais (APCF) e a Federação Nacional dos Delegados de Polícia (Fenadepol).


O formulário para comentários é publico, portanto seu conteúdo é de responsabilidade daqueles que postam. Os comentários aqui postados serão, assim que publicados, avaliados pelo administrador e se constatado de conteúdo impróprio ou que ofenda a moralidade ou os bons costumes será excluído.
Att,
Polícia PELA ORDEM

Emoticon